Terça-feira, 4 de Setembro de 2007

ANTIQUÁRIO DO MAL IV - BROKEBACK MOUTAIN (GLOBOS OURO SIC - 2006)


Música, imagens de pradaria vacas e depois vemos dois cowboys em cima de cavalos, muito cowboys, barba por fazer e bigode, cicatriz, queimados dos sol, dentes de ouro ou ligeiramente negros, chapéu, mascam tabaco, pega nas rédeas do cavalo à cowboy e olham o pôr-do-sol em atitude de cowboy,  ouvem-se vacas, apesar de não as vermos. Silêncio. IMPORTANTE- COWBOY 2 tem sempre ar de cowboy duro, apenas as coisas que diz são gay
COWBOY 1 olha para COWBOY 2 com ar de desejo. COWBOY 2 olha para COWBOY 1 e COWBOY 1 disfarça. COWBOY 1 olha para COWBOY 2 e com os lábios faz beijinhos. COWBOY 2 olha para COWBOY 1 e COWBOY 1 disfarça, mas como quase  é apanhado aproveita a posição dos lábios para imitar uma vaca disfarçando ainda mais..
COWBOY 1
Muuuuuu!
(as Vacas respondem com muuuuuuus )
(COWBOY 1 olha disfarçadamente para o rabo de COWBOY 2 que se inclinou para a frente na sela e faz cara de – ai é tão bom. COWBOY 2 olha e COWBOY 1 disfarça cuspindo tabaco. Ficam a olhar para o pôr-do-sol)
COWBOY 1
(nada gay, bem cowboy) Não há nada como esta vista. A manada a pastar. O sol a pôr-se nas  montanhas rochosas
COWBOY 2
Eu gosto muito das florzinhas. São malmequeres, não é? São bonitas…tão bonitas.
COWBOY 1
(um pouco surpreendido,quer ter a certeza)Ouve, lá. Se tu não fosses, Cowboy. O que é que gostavas de ter sido?
COWBOY 2
Não sei. Talvez decorador de interiores.
(COWBOY 1 faz um pequeno sorriso, que vai aumentando, com ar feliz, como  quem diz ele também é, que felicidade)
COWBOY 2
…houve uma altura que pensei que gostava de  ser estivador. …
(COWBOY 1 fica triste)
COWBOY 2
Mas era muito novo, e ainda não tinha ouvido os primeiro discos da Barbara Streisand.
(COWBOY 1 fica louco de felicidade)
COWBOY 1
Ouve lá, tu também és…
COWBOY 2
(fica preocupado) Como  é que descobriste?
COWBOY 1
Nós sabemos quem é e quem não é.
COWBOY 2
…agora dizem que é genético.
COWBOY 1
Assim como assim, também não há remédio. E se tu…e eu?
COWBOY 2
Tás louca! Não podemos. Nós somos as caras da estação…não podemos ser os ra…
COWBOY 1
Porque não?! O outro canal também tem.
COWBOY 2
Não sei. Ainda agora saí de uma relação. Sinto-me demasiado sensível, demasiado vulnerável,  para conhecer outro homem. Estou sem asas para partilhar de novo a minha cama. O meu ninho. 
COWBOY 1
Eu sou querido. Tu precisas de carinho. Não tenhas medo.
COWBOY 2
(totalmente à filme de cowboy, ameaçador, o olho e o suor e a cicatriz) Eu vou-me abrir para ti. Eu vou-me dar toda de novo. Ai de ti que me magoes. (mão na pistola) Mato-te.
(desfaz) E depois mato-me a mim.
MÚSICA. Juntam os cavalos e beijam-se. A cena passa a ser vista vista por uma mira de espingarda, daquelas compridas. O COWBOY 3 também muito cowboy, olho de vidro, etc. dispara um tiro e um deles cai. Outro tiro. E cai o outro. Visto à distância. A espingarda começa a tremer e COWBOY 3, limpa as lágrimas e chora.
COWBOY 3
Traidoras é o que elas são todas! (desce do local onde estava, andando pelas pedras com ar amaricado) Eu bem as  avisei. Com a Mirita ninguém brinca.   
Publicada por OMal às 20:22
Link do post | Adicionar aos favoritos

Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Está Feito

Twitter

subscrever feeds