Sexta-feira, 25 de Julho de 2008

Os VELHOS DO RESTELO

Nas manhãs de Domingo; afinal existem, há gente a praticar Tai-chi junto à Torre de Belém.
Vamos lá ver.  Não tenho nada contra o Tai-chi, mas dentro do mesmo género de arte de relaxamento, com nome curto, opto claramente pelo Paint-Ball. Mas é curioso verificar a dezena de senhoras e senhores de idade que pratica o Tai-chi junto à Torre de Belém, algo que consta: lhes pode ser trazer benefícios a nível dos músculos e órgãos internos. Mas que certamente não é nada bom para a auto-estima porque as faz fazer figuras ridículas em frente a um símbolo nacional, quando praticam, com esforço, esta mistura entre arte marcial e indicações para surdos mudos. Para mim, que caí de um baloiço em andamento aos vinte anos e meio, há algo de descabido em alguém que faz Tai-Chi com meias de vidro. Bem sei que dá um ar moderno, mas ao mesmo tempo, visto ao longe, tem qualquer coisa de Regresso dos Mortos Vivos, o que  não pode ser benéfico para o turismo. Fica a sugestão: porque não  o regresso a uma arte chinesa atribuída a um santo chinês chamado Hung Ming, e que é mais conhecida, como: Dominó. Dominó, sim. Espantar moscas invisíveis em Belém, não.
 

Publicada por OMal às 02:42
Link do post | Adicionar aos favoritos
1 comentário:
De Paula a 25 de Julho de 2008 às 14:08
Existe uma arte de relaxamento milenar, creio que a mais antiga de todas, que resulta na perfeição, é barata e não nos faz fazer figuras dessas (pelo menos, a maior parte das vezes): DORMIR.
:)
Bjs!

Comentar post

Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Está Feito

Twitter

subscrever feeds